Amor x Talento

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Música.
Mais que talento, é preciso amor.
Com talento e sem amor, não dá.
Com amor e sem talento, dá.
Um pouco ruim dizer que não tenho talento para violino, mas tenho amor( o ingrediente principal) e isso basta.
O amor ao Vitor supera a barreira do talento e cria a ponte profissionalismo que me faz estudar e crescer.
Tenha amor. Se possível, talento.
Vitor, eu te amo.

Read more...

A queda

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Quando olho para traz
Vejo os meus erros
ouço o que devia ter falado
Será que poderei contar o que vivi
Em alguns segundos de queda?
Quando vai demorar para chegar ao chão?
Será que vai doer?
E depois?
A morte é conseguência de viver
Viver é conseguencia de não esperar
E não esperar é conquencia de ter esperado demais
E eu so esperei demais por ter amado você
Mas não faz diferença agora
Já soltei e chegou o chão

Autor: Pequeno Sonhador

Read more...

Universo de Um - mundo de Três (Versão I, II e III)

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Universo de Um ,mundo de Três



Versão I

Só existe eu, porque , quando eu sentir amor, eu não vou ser traída por mim mesma.

Só existe eu, porque a minha opinião não vai ser criticada por mim mesma.

Só existe eu, porque eu não desistiria de mim mesma.

E no meu universo, há pessoas, há vozes, há opiniões, e tudo nele sou eu, e tudo nele é pra mim , e tudo nele é feito por mim.

Mas hoje, senti necessidade de por mais um personagem nesse universo.

Senti necessidade de sacrificar alguns, e acrescentar outros.



Versão II

Existe mesmo um outro mundo meu. Nele eu me divido em três pessoas, que no fim voltam a ser uma só (eu) .É como se cada uma delas pensassem por si só. Às vezes isso causa transtornos pois são quase sempre três opiniões e uma decisão sobre um determinado assunto. Logo duas delas devem ser ignoradas e uma atendida. Mas agora a líder de todas elas (eu) , proclamou a mais nova lei do Universo de Um - mundo de três : “ Juntaremos todos os cidadãos deste universo de Um - mundo de três , para que possamos lutar mais fortes pela Felicidade!"



Versão III

Num lugar -nem tão distante assim- , existe um povoado. Fadas circulam dia e noite, e pessoa nenhuma anda sozinha. Porta nenhuma está fechada, Coração nenhum está fechado. Um cuida do sentimento do outro, como se fosse o próprio. Mas na verdade é o próprio sem ser. Cantamos lalala , e ninguém acha besta. Temos medo do escuro e ninguém critica. A pelúcia pela madrugada é sempre a mais agradável companheira. O piano faz solo sempre que é noite, e a lua é a estrela principal de dia e de noite. Não é necessário fugir do sol. Três, somente Três cidadãos foram necessários para povoar todo o encantamento do mundo de Um – Universo de Três.

Borboletas lá são sempre bem vindas, E a farda negra está abandonada a oeste do povoado, está abandonada por ninguém magoar ninguém, por ninguém ferir ninguém, não há motivo pra luto, nem lágrimas. Mas ainda sim o piano faz a melancólica trilha sonora das noites , pois elas adoram. Não tente entender esse mundo, não tente apreciar esse mundo, não queira entrar nesse mundo. Pois os que entram , se entorpecem e não saem.


Autora : Sábia Rosa.

Read more...

  © Todos os direitos reservados a Aproveite o presente 2010